Quatro (04) Livramentos de Morte na Vida de José

1)     Deus livrou da morte na tentativa dos irmãos de matá-lo

                       Depois de lançado num poço vazio e vendido como escravo por vinte siclos de prata aos Midianitas, José foi conduzido até ao Mercado escravo no Egito e vendido. 
                     Gn 4 E tomando-o, lançaram-no na cova; mas a cova estava vazia, não havia água nela. 25 Depois sentaram-se para comer; e, levantando os olhos, viram uma caravana de ismaelitas que vinha de Gileade; nos seus camelos traziam tragacanto,bálsamo e mirra,
que iam levar ao Egito. 26 Disse Judá a seus irmãos:
De que nos aproveita matar nosso irmão e encobrir o seu sangue?
27 Vinde, vendamo-lo a esses ismaelitas, e não seja nossa mão sobre ele; porque é nosso irmão, nossa carne. E escutaram-no seus irmãos.
28 Ao passarem os negociantes midianitas, tiraram José,
alçando-o da cova, e venderam -no por vinte siclos de prata aos ismaelitas, os quais o levaram para o Egito.

                            Esse encontro marcou a Vida de José porque ali no Egito foi vendido como escravo, sua sorte vai lançada nas mãos de Deus nas maiores adversidades e este é o segundo livramento, depois dos planos de seus irmãos matá-lo para ficar livre dele. (Gn. 37: 26)

2)   Livramento no Comércio Escravo