A Queda de Mubarak- Fim de uma ditadura de 30 anos no Egito


 No Egito


No principio das manifestações era impossível prever o resultado se Hosni Mubarak renunciaria ou se as manifestações populares logo cessariam, mas ao longo de 18 dias intensos de Manifestações Politicas e Religiosas a população Egipcia conseguiu dá um fim a uma das ditaduras mais antigas e ferrenhas do mundo. A Renuncia de Mubarak custou cerca de 300 mortos e 5000 feridos e um prejuízo de dezenas ou centenas de bilhões aos cofres públicos. 
                   Agora os olhos estão voltados para o Egito qual será o futuro daquela nação? O Pacto de Paz com Israel será quebrado? As Relações com os Paises ocidentais vão continuar? Quem vai governar o Egito? O Linha Politica vai adotar? As Eleições no Egito serão livres e justas? Vai se estabelecer uma Democracia Popular ou uma Ditadura Radical? A estas e outras perguntas só o tempo dirá.
                   Olhando para outro ângulo as nações árabes onde as ditaduras estão incrustadas e os paises ocidentais onde há um regime de ditadura como Cuba, além da Coréia do Norte estão em estado de alerta. Porque as movimentações populares desse porte se levantarem dentro desses países quais serão as providencias de seus lideres para conte-las? Conseguirão Êxito? Até agora duas ditaduras caiaram  de Zine el Abidine ben Ali na Tunísia e até então poderosa ditadura de Mubarak. 
                A Mídia internacional contribuiu muito para queda da Ditadura Egipcia, pois atraves da Midia Autoridades de base de Mubarak se sentiam constrangidas a abandona-lo. E Isso fizeram abandonaram Mubarak um franco negociador, e abraçaram aos apelos da população, colocando em risco Extremistas e Radicais tomarem o Poder e complicar as relações internacionais. 
                Notemos ainda que uma das principais causas da Queda da Ditadura de Mubarak foi o fracasso Econômico de seu governos nos últimos anos, e não é o fato dele não querer abrir mão do governo a mais tempo. Se ele tivesse saido do governo e contribuido para uma transição transparente, justa e democratica talvez Mubarak entrasse para história do Egito como um grande Herói nacional.
            O marechal Mohamed Hussein Tantawi, de 79 anos, é o homem que vai comandar o processo de transição política após a renúncia, está sobre o ombro dela a responsabilidade de realizar eleições livre e justas. 
              Não deixemos de Orar pelo Egito e pelos lideres mundiais para que se convertam a Deus e governem para o Povo e não para si mesmos. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

IMAGENS E VIDEOS DOS TSUNAMIS (MAREMOTOS) QUE ASSUSTARAM O MUNDO

NAAMÃ E O VALOR EM REAIS DE SEU PRESENTE PARA ELISEU

GUERRA NA LÍBIA: IMAGENS E VÍDEOS FALAM POR SI