As Parteiras Sifrá e Puá mentiram? Deus Aprovou?


As Parteiras Sifrá e Puá no Egito: Usaram a Mentira para evitar um Infanticídio?

E o rei do Egito falou às parteiras das hebréias (das quais o nome de uma era Sifrá, e o da outra Puá),
E disse: Quando ajudardes a dar à luz às hebréias, e as virdes sobre os assentos, se for filho, matai-o; mas se for filha, então viva. 
 Êxodo 1:14-16

  O Rei do Egito Faraó ordenou as parteiras Sifrá e Puá para mataram todo e qualquer bebê do sexo masculino que nascesse entre os hebreus (Êx. 1: 15). Tal decisão de faraó possuía um motivo, e o motivo seria uma estratégia para evitar que futuramente com tantos filhos gerados o povo hebreu pudesse levantar uma Rebelião e assim ficar livre da Escravidão imposta pelos egípcios.
  Sifrá e Puá de algum modo conhecia o Deus dos Hebreus e temia, (ÊX. 1: 17) sem aprovar tamanha atrocidade de faraó, então decidiram poupar vidas de bebês.
  A Atitude nobre das enfermeiras chegou ao Conhecimento de Faraó, o qual ficou indignado, e mandou chamar as enfermeiras para prestar esclarecimentos. Ao que segundo alguns analistas da bíblia, mais precisamente os céticos, alegam que elas usaram de mentira. Mas Puá e Sifrá mentiram diante Faraó?  
                            A Resposta é NÃO! Elas usaram da Morosidade, demoravam a chegar até o local do parto para as hebreias tivessem tempo de gerar a criança, sem que elas fossem obrigadas a matar a criança durante o parto.  A Versão delas diante faraó foi:

Então o rei do Egito chamou as parteiras e disse-lhes: Por que fizestes isto, deixando os meninos com vida?
E as parteiras disseram a Faraó: É que as mulheres hebréias não são como as egípcias; porque são vivas, e já têm dado à luz antes que a parteira venha a elas. 
Êxodo 1: 17-19
                            Analisando o texto friamente entendemos que as Enfermeiras não Mentiram, antese falaram a verdade, a facilidade das hebreias de gerar crianças era do conhecimento de todos, inclusive de Faraó que não contestou a defesa das parteiras.
A Decisão das parteiras de Demorar em atender as hebreias no momento do parto rendeu algumas bênçãos preciosas para aquelas parteiras, que evidentemente eram estéreis:

Portanto Deus fez bem às parteiras.
E o povo se aumentou, e se fortaleceu muito.
E aconteceu que, como as parteiras temeram a Deus, ele estabeleceu-lhes casas.
Então ordenou Faraó a todo o seu povo, dizendo: A todos os filhos que nascerem lançareis no rio, mas a todas as filhas guardareis com vida.

               Conclusão: Diante da situação imposta por Faraó, que contrariavam totalmente a sua missão de salvar crianças durante o parto, a função escolhida por Sifrá e Puá, foi escolhida por amor a vida das crianças, era sinal de dedicação da parte delas. Assim a ordem de faria feria os princípios morais, éticos e pessoais das enfermeiras, que decidiram salvar a vida de bebês retardando o atendimento sem precisar usar dos artifícios da mentira.
                            Sempre não mentir sempre há uma saída, para escapar, pense nisso, ore e Deus te mostrará a saída. 

Comentários

  1. Excelente comentário Bíblico sobre Sifrá e Puá. Aprendi bastante, essa aula rendeu-me uma segurança no Temor do SENHOR. Falar a verdade é um dom, pois se apenas a fala é um dom, falar a verdade é um dom enriquecido no Temor do Senhor. Elas usaram a MOROSIDADE (coisa que eu não sabia e aprendi agora....) foi uma hábil maneira de responder as SUTILEZAS do Infanticida Faraó daquele tempo.... DEUS ABENÇOE O senhor, Pastor amado....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Danduke, minha mais sincera admiração por sua humildade, deixo meu abraço e meu respeito.;

      Graça e Paz!

      Excluir

Postar um comentário

-Moderação nos comentários

Postagens mais visitadas deste blog

IMAGENS E VIDEOS DOS TSUNAMIS (MAREMOTOS) QUE ASSUSTARAM O MUNDO

NAAMÃ E O VALOR EM REAIS DE SEU PRESENTE PARA ELISEU

GUERRA NA LÍBIA: IMAGENS E VÍDEOS FALAM POR SI