Candidato à prefeitura do Rio critica Malafaia e a Marcha para Jesus


 
Em uma reunião com militantes homossexuais, Marcelo Freixo chamou o evento que reuniu 300 mil evangélicos de homofóbico.
O candidato do PSOL a prefeitura do Rio de Janeiro, Marcelo Freixo, tem sido criticado por evangélicos por aparecer em um vídeo gravado no mês de junho criticando a Marcha para Jesus carioca, evento que ele chamou de “homofóbico”.
Freixo participa de uma convenção ao lado do deputado federal Jean Wyllys que falava sobre políticas relacionadas aos direitos dos homossexuais. Para o candidato a prefeito o objetivo do evento religioso, que reuniu mais de 300 mil pessoas naquele mesmo mês, tinha como objetivo defender o direito dos cristãos de serem homofóbicos.
O pastor Silas Malafaia é citado no vídeo por liderar a Marcha para Jesus no Rio de Janeiro e por ser também um dos maiores opositores ao Projeto de Lei 122/2006 que criminaliza toda opinião contrária ao homossexualismo.
Com a divulgação do vídeo no Youtube o deputado estadual Samuel Malafaia, irmão do pastor Silas, foi à Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro criticar a postura de seu ex-colega que deixou o cargo de deputado para tentar a prefeitura.
O líder da Assembleia de Deus Vitória em Cristo também comentou o assunto dizendo: “Se sou homofóbico, ele é cristofóbico”.
Nas eleições municipais do Rio o pastor Silas Malafaia e outros líderes evangélicos divulgaram apoio ao candidato Eduardo Paes, candidato à reeleição.
Assista:

Fonte: Gospel Prime 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

NAAMÃ E O VALOR EM REAIS DE SEU PRESENTE PARA ELISEU

IMAGENS E VIDEOS DOS TSUNAMIS (MAREMOTOS) QUE ASSUSTARAM O MUNDO

Jackie Evancho chegou ao 1º lugar dos tops norte-americanos após o anúncio da sua participação na Posse de Trump