A Mulher que Lavou os Pés de Jesus com Lágrimas e Enxugou com os cabelos


A Pecadora que Ungiu os Pés de Jesus
 
                     Jesus foi convidado para a casa de um Fariseu e não recusou ir, assentou-se a mesa, nisso uma mulher pecadora conhecida na cidade, sabendo que Jesus estava na casa do fariseu, pegou um vaso de alabastro com ungüento, e se dirigiu até a casa do fariseu onde Jesus estava. A Mesa naquele tempo media aproximadamente 30 cm de altura, geralmente ficava em cima de um tapete com almofadas ao redor. Jesus está praticamente deitado apoiando um braço na almofada e outro se servia. Nisso a mulher entrou e por detrás, chorando se abraça aos pés de Jesus e enxuga-os com lagrimas e beija, em seguida ungia-lhos com ungüento. Com esse ato a mulher estava se humilhava aos pés do Mestre, sinal de humildade, e estava honrando ao Senhor Jesus, pois era costume receber as visitas lavando-lhes os seus pés. O Fariseu não prestou a Jesus essa hospitalidade. Um frasco de Ungüento valia cerca de 300 Denários, o equivalente ao salário de 300 dias de trabalho (Jo. 12:5).

                            O Fariseu olhava com repudio aquela atitude de Jesus permitir uma pecadora tocar-lhe, duvidando que Jesus fosse profeta. Como Deus Onisciente, Jesus percebendo seus pensamentos conta-lhe uma Parábola para Laçar Simão e laça. 



Gestos de Hospitalidade naquele tempo no Oriente


- Água para lavar os pés, os pés do hospede é lavado para que o mesmo se sinta a vontade e confortável.
- Um Ósculo, Beijo como sinal de Respeito e Estima;
- Óleo para unção, no sentido de desejar toda sorte de Benção (Sl. 23: 5)

- Simão, o Fariseu e a Mulher Pecadora




- Simão:
  Recusa-se a lavar os pés de Jesus e nem se quer oferece água para lavar, e nem ordena um dos seus para fazer isto.
- A Mulher Pecadora:
  No lugar da água regar os pés do Mestre Jesus com Lágrimas e lava com suas mãos e com seus cabelos;
Simão:
Não Beija Jesus;
A Mulher Pecadora:
- Não beija o rosto, por não se achar digna, em compensação beija os pés inúmeras vezes, como sinal de humilhação diante de todos, arrependida de seus pecados.
Simão:
Nega o Azeite para ungir Jesus;
A Mulher Pecadora:
- Não Nega o Ungüento que é mais caro do que azeite pois também serve para fins medicinais.
Resultado:



Simão: um pouco de seus pecados são perdoados, pois ofereceu refeição para Jesus em sua casa, recebe pouco amor do SENHOR.
A Mulher Pecadora: Tem seus Pecados Perdoados (1ª Tm. 1: 14), sua Fé foi honrada, alcançou a Paz é recebe mais amor do que Simão.
   
                  A Mulher que lavou os és de Jesus com os cabelos não pode ser confundida com Maria Madalena, pois os textos sagradas não serve de base para tal afirmação, o nome dela é omitido. 
                               
Por outro lado a Mulher aqui em questão era conhecida por todos como uma mulher adultera, enquanto em nenhum lugar da Bíblia aponta Maria Madelena como Prostituta. (Leia a Postagem: Maria Madalena era Prostituta?   

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

IMAGENS E VIDEOS DOS TSUNAMIS (MAREMOTOS) QUE ASSUSTARAM O MUNDO

NAAMÃ E O VALOR EM REAIS DE SEU PRESENTE PARA ELISEU

Curiosidades sobre Otavio César Augusto