Jesus e Pilatos



Quem foi Pôncio Pilatos?

                             Pôncio Pilatos (26 a 36 A.D.) governador da Judéia sob o crivo do Imperador Tibério César, no mesmo período de seu governo, Herodes era tetrarca da Galileia, Filipe tetrarca da Itureia e Traconites e Lisânias tetrarca de Abilene. (Lc. 3: 1)

                          Era homem de confiança de Cesar, e amava tanto o cargo de governador que estava disposto a crucificar um inocente para se manter no cargo. Segundo a tradição morreu de suicídio.

                        Antes de Crucificar a Jesus cometia atrocidades em seu governo uma delas é o fato de numa ocasião matar os galileus e misturar o sangue deles com o sangue dos sacrifícios. (Lc. 13: 1)
 
As Perguntas de Pilatos:

1.     És tu o Rei dos judeus? Respondeu Jesus: Tu o dizes (Mt. 27: 11)
2.     Perguntou a Jesus: Não ouves quanto testificam contra ti? (Mt. 27; 13) Jesus não respondeu
3.     Perguntou duas vezes a multidão: Qual quereis que vos solte? Barrabás ou Jesus, chamado o Cristo (Mt. 27: 17, 21) 
4.     Pergunta também para a multidão: Que farei, então, de Jesus, chamado o Cristo? Disseram: Seja Crucificado! (Mt. 27: 22)
5.     Perguntou ainda para a multidão: Mas que mal ele fez? A multidão clamava: Seja crucificado! (Mt. 27: 23)
6.     Perguntou para multidão quem deveria ser solto: Jesus ou Barrabás? (Mt. 27: 17)
7.     Perguntou para multidão: O que farei de Jesus? (Mt. 27:22)
8.     Olhando para Jesus perguntou: nada respondes? Vê quantas coisas testificam contra ti. (Mc. 15:4)
9.     Tornou a perguntar para a multidão: Quereis que vos solte o Rei dos Judeus? (Mc. 15: 9)
10. Perguntou segunda vez a multidão: Que quereis, pois, que faça daquele a quem chamais Rei dos Judeus? (Mc. 15: 12)
11. Perguntava ainda: Que mal fez? (Mc. 15: 14)
12. Pilatos diz a Jesus: Não me respondes? Não sabes que tenho autoridade para te soltar, e autoridade para te crucificar?(Jo. 19: 10)
13. Pergunta ao povo: Hei de crucificar o vosso Rei?(Jo. 19: 15) 


Jesus e Pilatos

                            Pilatos sabia que o Cristo era inocente e diante de sua presença Cristo deu testemunho de Boa confissão (1ª Tm. 6: 13) mesmo diante do Bom testemunho os israelitas com a multidão gentílica (At. 4: 27) o condenarão a morte, sendo o Mestre Jesus um Homem justo, Santo, o Príncipe da Vida. (At. 3: 10-15) Diante de Pilatos Cristo foi julgado e condenado inocentemente (At. 13: 28).

·        Os Principais dos sacerdotes, anciãos, escribas e todo Sinédrio levaram Cristo manietado para ser julgado a Pilatos (Mc. 15:1)
·        Como ovelha muda perante Pilatos estava Jesus (Mt. 27:13)
·        Perguntou ao centurião se Jesus já havia morrido (Mc. 15: 44)
·        Questionou a multidão várias vezes para o povo livrar Jesus (Mt. 27:11-23)
·        Trouxe Jesus para outra vez afirmando que não achava nele crime algum (Jo. 19: 4)
·        Vendo Jesus com a coroa de espinhos e veste de púrpura disse: Eis aqui o homem. (Jo. 19:5)
·        Entrega Jesus aos principais dos sacerdotes e servos que gritavam crucifica-o! Crucifica-o!
·        Disse entregou Jesus nas mãos dos acusadores e disse: Tomai-o vós e crucificai-o, porque eu nenhum crime acho nele (Jo. 19:6)
·        João 19: 7,8 - Responderam-lhe os judeus: Nós temos uma lei, e segundo esta lei ele deve morrer, porque se fez Filho de Deus.
·        Ora, Pilatos, quando ouviu esta palavra, mais atemorizado ficou;
·        Soltou Barrabás e manteve Jesus preso (Mc. 15: 15)
·        Pilatos Mandou açoitar Jesus (Mc. 15: 15/ Jo. 19:1/ )
·        Pilatos entregou Jesus para ser crucificado (Mc. 15: 15)
·        Lavou as mãos diante da multidão dizendo que estava inocente do sangue deste justo (Mt. 27: 24)
·        Atendeu ao pedido do senador José de Arimatéia (Mc. 15: 43)
·        Permitiu o corpo de Cristo ser entregue para José de Arimatéia (Mt. 27;58)  
·        Pilatos Participou de uma reunião em sua casa com os Príncipes dos sacerdotes e os Fariseus (Mt. 27: 62)
·        Autorizou os Guardas vigiarem o corpo de Cristo para evitar os discípulos furtarem (Mt. 27: 62-66)
·        Pilatos ficou Maravilhado com Jesus (Mc. 15: 5)
·        Pilatos assenta-se no tribunal quando Jesus é levado para fora (Jo. 19: 13)
·        Mandou escrever um título em cima da cruz: JESUS NAZARENO, REI DOS JUDEUS. (Jo. 19: 19)
·        Os principais dos judeus pediram Pilatos mudar o que escreveu ele Disse: o que escrevi. ( Jo. 19:22)



Conclusão: Todos nós somos culpados da morte de Jesus na cruz

Atos 26,27 - Levantaram-se os reis da terra, e as autoridades ajuntaram-se à uma, contra o Senhor e contra o seu Ungido. Porque verdadeiramente se ajuntaram, nesta cidade, contra o teu santo Servo Jesus, ao qual ungiste, não só Herodes, mas também Pôncio Pilatos com os gentios e os povos de Israel;

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

IMAGENS E VIDEOS DOS TSUNAMIS (MAREMOTOS) QUE ASSUSTARAM O MUNDO

NAAMÃ E O VALOR EM REAIS DE SEU PRESENTE PARA ELISEU

Jackie Evancho chegou ao 1º lugar dos tops norte-americanos após o anúncio da sua participação na Posse de Trump