HOMOFOBIA !? PROTESTE JÁ, CHEGA DE OMISSÃO





















KIT HOMOFOBIA. VOCÊ É CONTRA OU A FAVOR?

Prezados Leitores, quero ser solidário à luta do Pastor Anselmo Melo, do Blog A Pedra, que publicou a matéria abaixo e está convocando todos os interessados na cessação da distribuição do kit contra a homofobia nas escolas de nosso país. Ao assistir o vídeo abaixo, vocês poderão decidir livremente se assinarão ou não o documento da petição pública. De minha parte reputo o vídeo como uma vergonha e acrescento que os primeiros pronunciamentos do atual governo apontam para a aprovação do tão famigerado PNDH3, tantas vezes aqui denunciado como plano do PT para agradar as exigências da ONU.

Abaixo o texto do Pastor Anselmo:

Meu irmão. Precisamos passar da mera denúncia a ação. Ao clicar no título da matéria você será direcionado a página de uma petição pública com um abaixo assinado. Preencha posicionando-se contra a distribuição do kit gay. Transmita a seu amigos. Reproduza a matéria e o link com o abaixo assinado em seu blog e em todos os meios eletrônicos que você dispuser. Essa é uma ação em favor da preservação da família.Não precisa citar meu blog. Essa causa é de todo CRISTÃO!

Comentário: Quero aqui deixar bem claro, antes de mais nada, que eu pessoalmente não tenho nada contra os homossexuais. Tenho inclusive alguns amigos que se encaixam nesta categoria, pois a escolha é pessoal. Mas daí para incentivar crianças pequenas a serem homossexuais, isto é uma questão muito diferente.

"Encontrando Bianca" é um dos vídeos que integram o "kit contra homofobia" que o Ministério da Educação (MEC) planeja enviar para seis mil escolas de ensino médio de todo o país. Ele o vídeo, foi exibido durante seminário sobre o tema na Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos Deputados no final do ano de 2010.

Um convênio firmado entre o Ministério da Educação (MEC), com recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), e a ONG Comunicação em Sexualidade (Ecos), produziu o kit de material educativo composto de vídeos, boletins e cartilhas com abordagem do universo de adolescentes homossexuais que será distribuída para 6 mil escolas da rede pública em todo o país do programa "Mais Educação".

O trecho do debate incluindo o vídeo "Encontrando Bianca" pode ser visto abaixo. Este vídeo foi divulgado pelo deputado Jair Bolsonaro (PP/RJ) em seu canal no YouTube. "Esse kit tem título de combate à homofobia mas, na verdade, é um estímulo ao homossexualismo, um incentivo à promiscuidade", disse Jair Bolsonaro durante o encontro.

O resumo da história do vídeo: "um menino chamado Ricardo de 9 anos entra no banheiro da escola e, observa seu coleguinha fazendo xixi, ele se sente atraido pelo coleguinha e declara seu amor por ele. Na sala de aula, a tia o chama pelo nome, Ricardo, mas ele retruca, meu nome é BIANCA. No final estimula as crianças a assumirem sua identidade homossexual, e, a cartilha afirma que esta é uma atitude correta a ser tomada dentro de sala de aula."

Em Campo Grande, sob o comando do presidente da Câmara, Paulo Siufi (PMDB), vereadores querem proibir a distribuição do kit. Está aí um belo exemplo a ser seguido!!! Enquanto isto vemos de todos os lados uma artilharia contra o deputado Jair Bolsonaro, o acusando de homofóbico e inclusive que estaria sugerindo a violência contra homossexuais. Eu sou da opinião que cada um, dentro do limite do bom-senso é claro, educa seus filhos da maneira como quiser. Agora querer se intrometer na educação alheia e tentar mostrar quão bom é ser gay, e que isto é normal, já foi longe demais. Querer calar críticos usando o adjetivo de homofóbico é a mesma coisa que chamar aqueles que denunciam Israel como anti-semitas.



Ao clicar em http://www.peticaopublica.com.br/PeticaoAssinar.aspx?pi=PROL você será direcionado para um abaixo-assinado contra a distribuição do "kit".

Maranata. Ora Vem Senhor Jesus!
Deus abençoe a todos.

NÃO PODEMOS NOS OMITIR DIANTE DE TAL ABOMINAÇÃO MORAL E ÉTICA! 

Comentários

  1. Basta de omissão!
    Estamos juntos em favor da família.
    Paz!

    ResponderExcluir
  2. Querido irmão e amigo Jéferson.
    Foi muito bom o irmão ter decidido manter o post.Infelizmente o irmão deve ter percebido que ele não é e nem provavelmente vai se tornar popular.É o reflexo daquilo que infelizmente vemos em nossos dias, um povo apático e que não consegue mais discernir o que realmente representa um grande perigo para nossas famílias e conseqüentemente para a Igreja. Ainda não sei exatamente o que fazer, tenho tido algumas idéias e conversado com alguns irmãos mais próximos no sentido de traçarmos uma estratégia para lutar contra esse absurdo. Estão surgindo algumas idéias e estou mesmo disposto a passar do discurso para a ação.Um irmão sugeriu irmos para as postas das escolas trocar o tal kit por um brinquedo ou um novo testamento, mobilizar pessoas e principalmente pais de alunos contrários a distribuição do kit.Fazer barulho mesmo, mostrar para esses inconsequentes que estamos aqui e que não vamos ficar de braços cruzados assistindo de camarote.Gostaria de ter sua opinião, se o irmão tem alguma idéia do que fazer.Estou mandando esse mesmo texto para outros irmãos e pastores solidários e desejosos em ajudar de alguma forma.
    Paz!

    ResponderExcluir
  3. Sugiro a voce leitor(a) o(a) qual não aprova a esse Kit Homofobia, cobrar dos vereadores e deputados evangelicos uma manifestação publica diante do Executivo e Judiciario a fim barrar a distribuição desse Kit dentro de sua cidade, além de acessar aos sites e blogs da camara municipal e assembleia Legislativa protestando contra esse Kit e cobrando civilizadamente uma atitude de nossos representantes.Vamos mobilizar a população para que a distribuição de Kit Homofobico venha ser istribuidos dentro dos limites da Lei.

    ResponderExcluir
  4. Vou destoar um pouco dos senhores. creio ser importante e mesmo imprescindível alguma atitude do poder público para frear a questão do bullying nas escolas especiamente os atos de bullying homofóbicos praticados contra os alunos e alunas homossexuais e bissexuais e esse kit visa isso talvez não seja o ideal sonhado por todos mas algo tem de ser feito o problema é muito grave.A escola é um dos ambientes mais hostis aos gays que existem.A foto dos meninos dando selinho na boca ficou muito bonita e singela.Isso acontece de verdade viu.A dissimulação puritanista é deseja maquear o troca-troca prática extremamente comum entre garotos dessa idade.O homossexualismo infanto-juvenil é uma realidade e não adianta peneira pra tentar tapar o sol.

    ResponderExcluir
  5. Se eu, devido à minha formação socio-cultural, tenho a visão de que o homossexualismo não é uma opção, conforme muitos apregoam, e que pode causar muitos traumas psicológicos àqueles que por ele são influenciados, devo ter o dever de respeitar tais indivíduos, porém, também, devo exigir ter o direito de não aceitar e poder criticar um comportamento que para muitos ainda é inaceitável.
    Se eu tivesse um pai ou um filho (casos considerados extremos, a meu ver) que viessem declarar ser homossexuais, eu não deixaria, de forma alguma de amá-los, porém não iria aceitar essa posição assumida por eles.
    Devemos ter o direito de mostrar a nossa opinião, seja contra ou a favor, sem que sejamos rotulados de homofóbicos. Vivemos em um país livre, será?

    ResponderExcluir

Postar um comentário

-Moderação nos comentários

Postagens mais visitadas deste blog

IMAGENS E VIDEOS DOS TSUNAMIS (MAREMOTOS) QUE ASSUSTARAM O MUNDO

NAAMÃ E O VALOR EM REAIS DE SEU PRESENTE PARA ELISEU

GUERRA NA LÍBIA: IMAGENS E VÍDEOS FALAM POR SI